...

A AUTORIDADE DOS PAIS - UM APELO DE LIMITE E PROTEÇÃO

Cecília Aziz
Maio, 2004

Pensam algumas pessoas que o simples fato de serem pais é o suficiente para que sua autoridade seja respeitada.  Respeito precisa ser adquirido.  Não pela força, mas pelo afeto.  Hoje, os pais sentem uma dificuldade muito grande de exercerem a autoridade.  A cultura colabora para isso, os meios de comunicação também.  Muitas vezes quando se vêem obrigados a  serem  mais duros, o fazem de forma grosseira e algumas vezes até violenta.  Isso cria ressentimentos que podem deixar marcas uma vida inteira.  É preciso que os filhos aprendam a respeitar a autoridade dos pais não pela força,mas porque eles, os pais, quando impõem limites, o fazem de uma forma afetuosa.

A importância do pai com alvo de um apelo de limite e proteção, de estabelecimento de valores, normas e leis, é indispensável para a construção saudável do psiquismo.

A figura do pai apenas funcional, aquele que veste a “máscara do pai” e não aposta no relacionamento interpessoal, está em franca decadência. Pais autoritários são pais solitários, em eterno monólogo com os filhos.

Cecília Aziz é psicóloga cooperada da CPI.
Maio / 2004


Conheça os locais onde estão nossos consultórios

Somos um grupo de psicólogos com sólida formação profissional e ampla experiência nas diferentes áreas da Psicologia Aplicada. Desenvolvemos nossas atividades em consultórios, hospitais, escolas, empresas e instituições, com o objetivo de proporcionar um atendimento psicológico de qualidade a um maior número de pessoas, atuando no estado do Rio de Janeiro.

...

Parceiros