CODEPSI

BUSCA AVANÇADA
< voltar

Ensaio

O Amor - Um encontro com o objeto – A questão do amor transferencial

Maise Resnick
9/2001

 

 

É o próprio Freud que nos alerta para o fato de que todo encontro amoroso traz consigo uma reedição caracterizando-o como um reencontro. Isto nos remete a idéia de que toda relação amorosa é transferencial, na medida em que a libido investida em novos objetos traz na história de seu percurso, a marca do encontro fundamental.

Os fenômenos de transferência são indicativos de uma regressão da libido. Cada conflito que surge nessa situação possibilita ao sujeito a lutar no presente com suas dificuldades relacionadas a importantes relações objetais do passado.

 

Portanto, o enamoramento do analisante pelo analista atende não só aos princípios da transferência, como também retrata aquilo que acontece a toda situação de enamoramento, que consiste na repetição de reações infantis, sendo este o caráter essencial de todo estado amoroso. Sobre isto podemos ler: 

“Não existe estado deste tipo que não reproduza protótipos infantis. É precisamente desta determinação infantil que ele recebe seu caráter compulsivo, beirando, como o faz, o patológico. O amor transferencial possui talvez um grau menor de liberdade do que o amor que aparece na vida comum e é chamado de normal: ele exibe sua dependência do padrão infantil mais claramente e é menos adaptável e capaz de modificação, mas isso  é tudo, e não o que é essencial”. (Freud,1915ª,{1914],p.218). 

Nesta perspectiva, Freud comenta sobre a genuidade do amor transferencial, onde são encontradas características idênticas as do enamoramento da vida comum. As características especiais atribuídas ao amor transferencial, por ser ele invocado pelo tratamento analítico, não justificam qualquer diferença que se possa atribuir ao amor na transferência do amor na vida:

Página         
Página         
< voltar
Os textos podem ser divulgados ou reproduzidos, integralmente, desde que mantenham as informações sobre o autor e sobre a CODEPSI.

Telefone: (21) 4141-9087
© 2018 CODEPSI. Todos os direitos reservados. | Política de Privacidade
Créditos: D| Design Estratégico e Interage Solutions